Manual do Trilheiro – Câimbras

22.12.2016

A ultima trilha que fiz ao cume do tabuleiro, sofri muito com câimbras, ao ponto de quase acabar com minha aventura e por fim a uma das trilhas mais belas que já fiz, apesar de muito dura.

A câimbra é um espasmo muscular, ou seja, contrações musculares de forma involuntária, esta pode durar segundos ou até minutos e pode se dar em um ou mais músculos e não reversível espontaneamente, portanto é preciso reverter a situação à força.

As principais causas de câimbras são:

- Atividade física vigorosa;

- Desidratação;

- Alterações hidreletrolíticas, principalmente depleção de cálcio e magnésio. Alterações dos níveis destes minerais são as causas mais importantes e comuns de câimbras.

 

Para evitar as câimbras é importante fazer uma boa sessão de alongamento antes e após exercícios físicos, mais esses alongamentos tem que ser feitos com frequência, minutos antes do exercício não oferece grandes resultados. 

 

O fato de comer banana para evitar câimbras, é um pouco controverso, mas como banana é um alimento rico em potássio vale a pena comer, mal não faz.

 

Uma vez instalada a câimbra o melhor a fazer é alongar o músculo atingido. Mobilize com as mãos (ou com a ajuda do chão ou da parede) os músculos na direção contrária a que eles estão contraindo, até que a dor e o espasmo desapareçam. Uma massagem suave e compressa de água quente nos músculos acometidos ajuda a relaxar a musculatura.

 

No momento das câimbras, não é preciso tomar nenhum remédio. Uma vez que a cãibra tenha desaparecido, basta hidratar-se e descansar para evitar recaídas.

 

Boa trilha!!!

 

Leia o texto original no site MD.Saúde: CÂIMBRAS | Causas e tratamento - MD.Saúde http://www.mdsaude.com/2008/10/cimbras.html#ixzz2tj0VFRT1

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

© 2023 por NÔMADE NA ESTRADA. Orgulhosamente criado com Wix.com

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now